quarta-feira, 10 de julho de 2013

Artur Semedo

Nascia em 2 de Novembro de 1924 em Lisboa/Portugal, o ator e diretor Artur Francisco da Cunha Semedo, que mais tarde suprimiria parte de seu sobrenome e adotaria o nome artístico de Artur Semedo. Após concluir o secundário em Portalegre, pequena cidade lusitana, mudou-se para a capital Lisboa, onde entrou no Colégio Militar em 1936.Posteriormente cursou biologia na universidade de Coimbra e por fim, em 1949 ingressou no Conservatório Nacional de Teatro (Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa). Estreou nas telas de cinema no mesmo ano no filme Sol e Toiros do diretor José Buchs e logo em seguida participou de Vendaval Maravilhoso (Castro Alves,Vendaval Maravilhoso) onde interpretou o pai de Castro Alves. Somente dois anos mais tarde, em 1951, voltaria à cena em  O Grande Circo (Saltimbancos); seu primeiro trabalho sob a direção de Manuel Guimarães. Em 1952 ganha destaque em Duas Causas com o diretor Henrique Campos e volta a trabalhar com Guimarães em Nazaré; fato que voltaria a ocorrer outras vezes em 1956 no filme Vidas Sem Rumo e posteriormente em 1972, no filme Lotação Esgotada.

Ao longo da carreira, ainda emprestou seu talento para produções televisivas, entre elas: Humor de Perdição,Le Comte de Monte-Cristo, Retalhos da Vida de Um Médico, As Aventuras de Eva, e A Lena e o Carlos. Como diretor produziu seis longas-metragens O Dinheiro dos Pobres, "Malteses, burgueses e às vezes...",  O Rei das Berlengas, O Barão de Altamira, O Querido Lilás,  Um Crime de Luxo  e o documentário  Exposição de Máquinas Agrícolas na Ajuda. Semedo também trabalhou em produções brasileiras nos anos 60, no longa Viagem aos Seios de Duília dirigido por Carlos Hugo Christensen em 1964 e no episódio "O Homem que se Evadiu" do seriado Crônica da Cidade Amada em 1965. Encerrou a carreira em 1992 sob a direção de João Botelho no filme No Dia dos Meus Anos e faleceu no dia 8 de Fevereiro de 2001 aos 76 anos de idade. No ano seguinte à sua morte recebeu uma homenagem póstuma da Sociedade Portuguesa de Autores.

8 comentários:

Jefferson C. Vendrame disse...

Oi Rubi, Não conhecia esse ator português. Na verdade, pelo que me lembro, nunca assisti nenhum filme português.
Parabéns pelo post e por nos trazer as informações.

Abraços!

M. disse...

Ai que ótimo Rubi, você escrevendo sobre o cinema português! Olha aí uma citação sobre Portalegre! Eu conheci a cidade de Portalegre (Alentejo) em Portugal há doze anos atrás. É tão pequenininha e tão pouco desenvolvida... Me traz boas recordações: era de lá o meu ex-noivo. Meu conhecimento de cinema português é quase nada. Posso publicar o post anterior em meu blog, com os devidos créditos!? Abraço.

Suzane Weck disse...

Ola querida Rubi, tuas excelentes postagens sobre filmes portugueses fez-me interessar bem mais por este cinema até agora quase desconhecido por mim.Estou adorando .Uma boa noite e meu maior abraço.Su.

REINVENTANDO disse...

Bela resenha desse galã que fez filmes portugueses.
Abraços.Sandra

Patrícia disse...

Não canso de fazer descobertas no seu blog, Rubi!
Q foto legal a 1ª parece até q passou no photoshop
Bjs

Aline Diedrich disse...

Ainda não conhecia a história desse ator... Muito bom vir aqui e conhecer cada vez mais sobre o cinema!

Beatriz Alencar disse...

Como não assiste nenhum filme portugues, é claro que eu não conhecia esse ator. Eu sempre estou aprendendo coisas novas por aqui :D Abraços,

Carlos Alberto disse...

Artur Semedo...A Comédia era o seu domínio
Trabalhei com este grande Autor, Realizador e Actor português na série televisiva: "Sheiks Com Cobertura" transmitida na RTP-1 em 1979. Os textos, delirantes, eram dele.
Os seus filmes estão disponibilizados na Internet, bastando, para tal, copiar os nomes aqui apresentados ou então ir ao meu site: www.colorizemedia.com e procurar em Biografias por Artur Semedo.
Cumprimentos

Postar um comentário

Esse blog destina-se a trazer informações, curiosidades, músicas e muitas dicas. O universo de pesquisa é muito vasto e se você tiver interesse em algo ou alguém deste universo em especial, faça sua sugestão e na medida do possível tentarei apresentar um trabalho que lhe agrade.

 
↑Top