sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

O Cinema em seus Primórdios - Parte Final

Ao longo dos anos, muitos diretores basearam-se no trágico acidente ocorrido em 15 de abril de 1912 com o navio RMS Titanic, para produzirem seus filmes. Dentre as produções mais famosas estão a de 1953, protagonizado por Barbara Stanwyck; a de 1966 do diretor Robert Lieberman protagonizado por Peter Gallagher; e a mais famosa de 1997 com Leonardo DiCaprio e Kate Winslet. No entanto, o primeiro filme sobre o naufrágio, In Nacht und Eis (Na Noite e no Gelo), foi feito em 1912 por Mime Misu, seguido por Saved From the Titanic lançado no mesmo ano. A história acontece dentro do navio, e durante um jantar ocorre o acidente, o choque do luxuoso transatlântico com o enorme iceberg. Com o auxílio de um pequeno barco de brinquedo, foi possível reproduzir a cena do terrível impacto. Os efeitos especiais, apesar de rudimentares, impressionam e causam uma estranha sensação de agonia e desespero a quem assiste. Por muito tempo o filme de 35 minutos foi considerado perdido, até que em 1998 um colecionador encontrou-o em sua valiosa coleção. No mesmo ano foi lançado o documentário Beyond Titanic que contém algumas cenas do filme de 1912. Para assistí-lo, clique aqui.

Em 1922, Robert Flaherty produziu aquele que seria considerado o primeiro filme/documentário antropológico da história do cinema. Protagonizado por Allakariallak (Nanook), Nyla e Cunayou, o filme Nanook of the North (Nanook, o Esquimó) foi filmado em Quebec, Canadá. A produção de Robert mostra de forma peculiar a sobrevivência de um grupo de esquimós numa região tomada por gelo e neve, onde as condições de vida são levadas ao extremo, tendo como alternativa de alimento a pesca e caça, esta última em alguns períodos do ano. A confecção de roupas próprias para as baixas temperaturas feitas com peles de animais caçados, construções de iglus, e a tenacidade de um povo lançado aos extremos.O filme ganhou uma nova versão em 1994 com Kabloonak, de Claude Massot, além de sátiras em programas televisivos e adaptações para musicais. Curiosamente, dois anos após o lançamento do documentário, Nanook faleceu de causa indefinida. Para aqueles que tiverem a curiosidade de conhecer esta obra (com legenda em português) convido-os a clicar aqui.

Desta forma, encerro por hora a sequência deste especial, esperando ter levado momentos de lazer e conhecimento a quem o acompanhou.

7 comentários:

Jefferson Clayton Vendrame disse...

Rubi Parabéns pelo artigo que você nos trouxe em "Trilogia" kkkk, adorei conhecer mais desse cinema que, até para os mais conhecedores da sétima arte, muita das vezes ainda é novidade, eu mesmo não tinha conhecimento de alguns tópicos que você no trouxe, como esse Titanic feito no mesmo ano do naufrágio, Parabéns mesmo, muito interessante.
Seu Blog, sempre PERFEITO.

... Falando em Titanic, vc ouviu rumores que ele vai ser relançado (a versão de 1997) e voltar em 2012 para "lembrar, homenagear" os 100 anos do naufrágio?, inclusive ouço falar que voltara com efeitos em 3d sobre a mesma produção.... se for, será ótimo pois adoro ver o filme na Telona, abração

M. disse...

Rubi, como aprendi contigo todo este tempo te acompanhando neste blog tão incrível! A trilha sonora como sempre muito bem escolhida. Um abraço.

Blog UaiMeu! disse...

Não sabia que já tinham feito a tanto tempo um filme baseado no Titanic, digo esse de 1253... pelo pai só tinha 3 anos kkkk
Sei que existiu outros filmes antes do filme do James Caremon mas como deve ter sido filmado em? Pq o filme de 97 ganhou tantos Oscar a perder de vista.

bem Rubi é isso!

Até

Renata

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Adora a história do Titanic no cinema. Já assisti várias versões, inclusive uma alemã.


O Falcão Maltês

Por que você faz poema? disse...

Muito bom
o trabalho de pesquisa.

Anônimo disse...

Será que consigo encontrar uma versão legendada do Titanic de 1912? Se puder me ajudar fico grato.

Abraços.

disse...

Adorei essa série, parabéns! Agora já sei onde encontrar "Nanook", filme que pretendo assistir em breve.
Beijos!

Postar um comentário

Esse blog destina-se a trazer informações, curiosidades, músicas e muitas dicas. O universo de pesquisa é muito vasto e se você tiver interesse em algo ou alguém deste universo em especial, faça sua sugestão e na medida do possível tentarei apresentar um trabalho que lhe agrade.

 
↑Top