quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Chaves - Elenco

Nascido em 21 de fevereiro de 1929, na Cidade do México, Roberto Gómez Bolaños destaca-se como escritor, ator, diretor, comediante e compositor. Responsável direto pela criação dos seriados: Chaves e Chapolin Colorado. Interpretando os personagens principais, Roberto conquistou o público infantil e adulto em todas as partes do mundo com a simplicidade das histórias contadas em cada episódio da série. Curiosamente, o convívio com o elenco conduziu-o a casar-se com Florinda Meza, a eterna Dona Florinda. Embora não tenha tido filhos com Florinda devido a realização de uma vasectomia, Roberto é pai de seis filhos do primeiro casamento. Atualmente, aos 82 anos de idade, vive em Cancun com a esposa e seus três cachorros.

Nascida na pequena Juchipila em 8 de fevereiro de 1948, Florinda Meza García de Gómez destaca-se pela sua desenvoltura no mundo artístico como atriz, diretora, produtora, escritora, dançarina e cantora. Trabalhou como modelo para comerciais de TV até integrar-se na equipe de Bolaños, onde desenvolveu a personagem Dona Florinda e a pequena Pópis. A boa convivência com Bolaños fez com que assumissem compromisso a partir de 1978. Como produtora, produziu várias novelas para a TV Mexicana. Embora seja mundialmente reconhecida pela personagem Dona Florinda, declara que sentia maior prazer em ser a doméstica honesta e sonhadora Chimoltrúfia, no seriado Chespirito. Ataulmente, aos 63 anos de idade, continua casada com Bolaños.

Carlos Villagrán Eslava nasceu na Cidade do México no dia 12 de janeiro de 1944 e traz como marca registrada ao longo de sua carreira humorística o personagem Kiko (Quico), garoto mimado das bochechas estufadas e melhor amigo de Chaves. Durante muitos anos, trabalhou como fotógrafo para vários jornais do México e desenvolvia um trabalho no teatro onde interpretava o personagem Pirolo que já possuía todas as caracetrísticas que o levaram a se tornar o Kiko no seriado Chaves. Em 1979, deixou de fazer parte do elenco devido a questões pessoais com Bolaños. Seu personagem estava ganhando mais espaço do que o próprio Chaves, o que levou Bolaños a reduzir sua participação nos episódios. O rompimento desta amizade manteve-os afastados por cerca de 20 anos, quando se reencontraram num especial da televisão mexicana e fizeram as pazes. Atualmente, aos 67 anos de idade, mora em Guadalajara com sua esposa e seus seis filhos, e ainda se apresenta em espetáculos circenses.

Nascida em 22 de dezembro de 1950, em Tepic; María Antonieta de las Nieves, foi uma atriz precoce aos 8 anos de idade atuando na novela "La Leona", onde fazia uma menina má, sendo contemplada por duas vezes com o prêmio de atriz infantil. Cantora e dubladora, foi convidada por Bolaños a integrar o elenco do seriado Chaves interpretando a irriquieta Chiquinha e a Dona Neves (bisavó de Chiquinha). Permaneceu no elenco até 1994 e no ano seguinte lançou a série "Aquí está la Chilindrina" que apesar de contar com apenas 20 episódios provocou uma ação judicial de Bolaños sobre os direitos autorais da personagem Chiquinha, que acabou sendo outorgado a María Antonieta. Em 2002, sofreu um infarto mas felizmente, conseguiu se recuperar, e atualmente, aos 60 anos de idade, vive com o marido Gabriel Fernández e fez uma pequena participação especial no seriado Skimo que é apresentado na Nickelodeon.

Rubén Aguirre Fuentes nasceu em Saltillo no dia 15 de junho de 1934 e começou sua carreira artística como locutor de rádio e televisão, trabalhou ainda como ventríloquo, ator, narrador de touradas, toureiro e diretor. Cursou engenharia agrônomica, porém optou em trabalhar no Canal 6 (emissora da Cidade de Monterrey). Pouco tempo depois, com a inauguração do Canal 8 pelos mesmos proprietários, a emissora lançou os seriados Chespirito, Chaves e Chapolin. Com isso, ingressou na carreira artística interpretando o personagem Professor Girafales, o mestre da escolinha do seriado Chaves, que é apaixonado pela Dona Florinda. A partir de 1995, com o fim das gravações, produziu o seriado "Ahi esta la Chilindrina" em parceria com María Antonieta. Atualmente, aos 77 anos de idade, está casado com Consuelo de los Reyes e ainda mantém o circo "El Circo del Professor Jirafales", do qual é proprietário desde 1976.

Nascido na Cidade do México no dia 28 de dezembro de 1944, Édgar Vivar, carrega em sua bagagem profissional as profissões de médico e ator. Como ator inciou sua carreira em 1964 participando de cerca de 40 obras; até ser convidado em 1970 a compor o elenco do seriado Chaves interpretando O Sr. Barriga e o Nhonho, e o ex-criminoso Botijão. Ao longo de sua carreira, realizou trabalhos importantes no teatro tais como, o Frei Antonio na peça "Marcelino pan y vino" (Marcelinho pão e vinho); no cinema participou do filme "La Novicia Rebelde" (A Noviça Rebelde). Em 1985 criou o "Circo de Noño y el Sr. Barriga", realizando turnês por México, Chile e Argentina. Em 2001, retirou-se dos palcos devido a problemas de saúde e participou de outras produções cinematográficas como: Bandidas em 2006 com Salma Hayek e Penélope Cruz e O Orfanato em 2007. Atualmente, aos 66 anos de idade, após emagrecer por conta de uma cirurgia de estômago, continua tocando sua vida artística.

Em 2 de setembro de 1923 nascia na Cidade do México, Ramón Valdés Castillo, ator e comediante que imortalizou o personagem Seu Madruga no seriado Chaves. Com Bolaños, interpretou vários outros personagens para os seriados: Chapolin e Chespirito. Atuou em vários filmes entre a década de 40 e 60, chegando a participar de produções de Cantinflas, famoso comediante mexicano; até ser convidado por Bolaños. No México seu personagem era conhecido como Don Ramón e gozava de grande prestígio com Bolaños que afirmava ser ele o único a faze-lo chorar de rir durante as gravações. Em 1979, com problemas de saúde deixou as gravações voltando somente em 1981. Aos 64 anos, vítima de câncer de pulmão, faleceu em 9 de agosto de 1988 deixando para os fãs mais de 100 filmes e seriados de Tv.

Angelines Fernández Abad nasceu em Madri no dia 9 de julho de 1922, atriz espanhola que fincou raízes profissionais no México. Deixou a Espanha tão logo começou a Segunda Guerra Mundial seguindo para o México principalmente devido a facilidade de idioma. Porém, só teve oportunidade de inciar a carreira artística em meados da década de 70 após receber um convite de Bolaños para compor parte do elenco do seriado Chaves. Coube Angelines o "ingrato" papel da Dona Clotilde, uma personagem bondosa porém excêntrica que provocava arrepios nas crianças que a taxavam de bruxa, e a apelidavam de Bruxa do 71. Angelines teve outras participações em menor escala no seriado Chapolin Colorado. Na década de 90, sofrendo de depressão passou a consumir dois maços de cigarro por dia o que a levou a morte no dia 25 de março de 1994, vítima de câncer pulmonar. Curiosamente, apesar da personagem a eternizou, Angelines era considerada uma das mulheres mais belas do México.

Outros atores: (seguindo a ordem das imagens acima) Raúl Chato Padilla, Horacio Gómez Bolaños, Ana Lilian de la Macorra e Ricardo de Pascual. - José Luis Amaro, Abraham Stavans e Germán Robles -

25 comentários:

Beatriz Alencar disse...

Parabéns pela serie de posts sobre os personagens de Bolanos! Eu goste muito :D

Samy Campos disse...

Gostei do seu post. Minha infancia chaves e chapolin. é bom ler sobre as pessoas que interpretavam os personagens :)

Fabi disse...

saudade do Ramon ...

Andreza Fialho disse...

Que massa!Sou fã...classiqueira!!!rsrs

Bjs!

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Uma das séries mais engraçadas da tevê mundial...

O Falcão Maltês

Maxx disse...

Adoro Chaves e Chapolin. São excelentes.

Suas postagens estão cada vez mais bacanas.

Grande abraço e bons fimles.

Maxx.

Blog UaiMeu! disse...

Achei esses posts sobre o chaves o melhor Rubi. CHAVES é a minha série de humor favorita ,hj em dia o humor que fazem é o fácil, onde se apela pra palavrões,gays etc...o dificil é fazer essa comedia igual chaves inocente sem apelações.
O meu personagem favorito é o Madruga claro rsrsr

Abraço Ricardo Madruga

Carola disse...

Será que existe alguém no mundo que não goste de Chaves e Chapolim? Eu não conheço.

Fico com o amigo ai de cima, Seu Madruga ou melhor Don Ramon é o meu favorito!

Tsu disse...

Oi Rubi!!!

Ah eu sabia!! Sempre achei (e não sou a única0 que o personagem Kiko é muito melhor do que o personagem Chaves...ele nos faz rir.
E como o GIrafales está diferente!
É ironico ver também o quanto á dona Clotilde era realmente bela na juventude!
Vc só esqueceu de mencionar que o Kiko e a Florinda eram casados e que ela se separou do Kiko para ficar com o Chaves.
Nossa eu fico surpresa de vc nunca ter visto O Feitiço de Áquila!!!
É um clássico mais do que obrigatório para vc! É nostálgico como o filme Labirinto com Bowie e A Lenda com Tom Cruise..mas o apelo sentimental de Áquila é mais superior.
Nossa, mas é isso..Chaves e Chapolim é algo atemporal. Não importa quantas vezes eu veja determinados episódios, sempre vou rir nas mesmas partes, é incrivel o poder que essa obra tem. E para mim o melhor sempre será o Kiko...eu rio muito com ele. E vc precisa ver o tanto de fãs que Chaves e Chapolim tem em eventos otakus! Fui num evento que o cara fez cosplay do GOdinez com direito a apresentaçã oe tudo..semfalar dos produtos ligados á obra.
bjs!!!
http://www.empadinhafrita.blogspot.com

Bruno Müller disse...

Legal que você mencionou um monte de curiosidades que eu não sabia! E olha que eu pesquiso Chaves bastante na net :)
Aliás, não sei se vc viu a entrevista que Edgar Vivár deu ao Danilo Gentili no Agora é tarde em sua recente visita ao Brasil. Caraca, foi impagável!! http://www.youtube.com/watch?v=RkPE4udqu5g

E parece que Maria Antonieta de Las NBieves está vindo ao Brasil!! Bj

*♡* Jane Dos Anjos *☆* disse...

Rubi... maravilhosooo... eu ia assistir o filme que vc me falou ontém, pois ante ontem não deu e ontem a Chiquinha a atriz María Antonieta de Las Nieves foi no programa do Ratinho, que lindo que foi, me emocionei muito, ela é realmente uma pessoa maravilhosa e o desetendimento que ela tem com o Roberto Bolaños está visivel que isso a magoa muito.
Muito lindo ontem a entrevista com ela!!
mais hoje eu assistooo o filme...ahhh se assisto!! Bjs

DHDOTUR disse...

Chaves passará por mais 1000 anos no sbt

Any Brasil disse...

ai que tuuudo, amie esse post, menina Dona Florinda era bonitona né
trendluxo.com.br

Stephanie C. de Mello disse...

*---*
Amo Chaves

Aline Diedrich disse...

Gostei do post... Chaves marcou a infância de muita gente e é impressionante que, apesar da qualidade de imagem tão diferente do que temos hoje, continua sendo sucesso...

Ravi Barros disse...

Eu vim correndo pro seu blog quando vi lá no meu a atualização da postagem! Não quero, não poderia e não vou deixar de comentar em todos os posts sobre o chaves! Porque isso simplesmente fez parte da minha vida! O elenco não poderia ser melhor, fico muito feliz em ver as fotos !
Amo de paixão o seriado!
Chaves é eterno...

Nathacha disse...

Nossa, lá na argentina chamam o CHAVES DE CHAVO, tipo (TIABO)^^ Adorei voltar o tempo relembrando, muitooo gostoso!


parabéns pelo post, está demais!

Nathacha disse...

AAA esqueci de te dizer que estou seguindo o blog :)


retribui?


Kiss ^^


seu comentário é fundamental!

www.medicinepractises.blogspot.com

Karla Hack dos Santos disse...

A Dona Florinda fazia um pouco de tudo, nossa!!!
Muito legal saber um pouquinho do background de cada um destes atores!

;D

Bruna Worspite disse...

Estou adorando as postagens sobre o chaves e chapolim
Tinha coisas sobre eles que eu realmente não sabia!

Hum deu uma vontade de assistir chaves agora,rs

Bjs
http://bruhworspite.blogspot.com/

Bruna Worspite disse...

Acho meu comentário não foi =\

~
Adorei o post, saber mais sobre o que marcou a minha infância o qual assisto até hoje, é muito legal ;D

Bjs
http://bruhworspite.blogspot.com/

Blog UaiMeu! disse...

Oi Rubi;

O livro chegou?
Abraços
Renata

Por que você faz poema? disse...

Mesmo assistindo e
repetindo todas as falas de cor,
não consigo enjoar.

Gilberto Carlos disse...

Adorava assistir o Chaves quando criança. O sucesso dessa série no Brasil é impressionante, com 30 anos de exibição quase ininterrupta. www.gilbertocarlos-cinema.blogspot.com

Daniele Moura disse...

Olá,
Rubi
Todos os dias eu via Chaves e Chapolim quando era criança. E ria com os episódios super repetidos do SBT. Parte da minha infância.
Me lembro que quando o seu Madruga morreu, meu padrinho veio me visitar e eu chorava copiosamente. "Não é possível. Ele morreu!!"
Nossa, como a Bruxa do 71 era bela. Não imaginava isso.

Postar um comentário

Esse blog destina-se a trazer informações, curiosidades, músicas e muitas dicas. O universo de pesquisa é muito vasto e se você tiver interesse em algo ou alguém deste universo em especial, faça sua sugestão e na medida do possível tentarei apresentar um trabalho que lhe agrade.

 
↑Top